ALIMENTE SEU CONHECIMENTO - FÓRUM DE INFORMAÇÕES E NOTÍCIAS RELACIONADAS A ALIMENTOS E SEUS FABRICANTES


Essa tal de "internetis"

Compartilhe
avatar
victor andrade

Mensagens : 352
Data de inscrição : 02/10/2014

Re: Essa tal de "internetis"

Mensagem por victor andrade em Qua Jan 07, 2015 12:20 pm

Ph acido gosto mais de você no estado neutro... hahaha

relaxe ph eu também fiz um post com a mesma ideia do morpheus, não se trata do ato de fazer sexo, se trata do fato dela ter traido o namorado, não se trata dela ter sido filmada se trata do fato de que ela poderia ter evitado se tivesse se mantido fiel.

O que você talvez não entenda é que nossa sociedade é hipócrita, por exemplo, não sei se você é casado ou se tem namorada, mas, digamos que tenha, digamos que você a traia, e que ja fez e ainda faz isso, e digamos que ela por ventura venha a te trair, você simplesmente vai surtar, vai achar que ela é uma vadia, uma puta essas coisas todas.  Você pode trair, você é homem e pode tudo, mesmo sabendo que é errado. Mas, ela não pode, jamais, é sua mulher, e mulher sua não trai vc. quer coisa mais hipócrita que isso? a vida é assim meu caro.
avatar
Ph neutro

Mensagens : 130
Data de inscrição : 10/11/2014

Re: Essa tal de "internetis"

Mensagem por Ph neutro em Qua Jan 07, 2015 5:42 pm

kkkkkkkkkkkkkk de boa galara...

Victor eu sinceramente não me acho no direito de trair e chamar minha mulher de puta caso ela me traia. Eu ja trai muitas namoradas minhas, uma delas, a ultima, depois de um tempo que terminamos eu descobri que tinha me traído também, meu primeiro pensamento não foi achar que ela era puta e por eu ja ter traído ela, me fez não a "condenar"

Traição é um campo subjetivo, eu considero traição aquilo que você faz e que se sua parceira descobre ela não aceitaria e nesse contexto, o swing por exemplo, não seria traição. Vocês não sabem o relacionamento que a guria da filmagem esta com o namorado, não sabia se eles tinham brigado naquele dia, não sabia se estavam dando um tempo naquele momento, são varias variantes que deveriam ser avaliadas antes de começaram a atacar pedra.

Para mim, no meu modo ver, mesmo que ela tenha traído o namorado, tenho dó e tenho pena sim, do que isso tudo se transformou na vida da guria. Nessas horas o fato dela ter traído fica maior que o fato do moleque ter sido um idiota e ter divulgado um momento intimo deles. Ninguém merece uma covardia dessas. Uma prima minha ja passou e vou te dizer, so não houve suicidio por o apoio familiar foi muito forte.
avatar
Mazikamno

Mensagens : 232
Data de inscrição : 23/09/2014

Re: Essa tal de "internetis"

Mensagem por Mazikamno em Qui Jan 08, 2015 7:57 am

PH Neutro, traiu várias namoradas e ainda conta aqui todo tranquilo, baita de um puto, hehehe

Calma PH, estou brincando, estou brincando, não se ofenda, hehe

Pois é, no fim tudo é compreensível, tanto as reações irracionais como as mais ponderadas.
Mas na prática, mesmo que minhas condutas e ações sejam "racionais" e ponderadas, infelizmente, mesmo eu agindo assim racionalmente, ainda não tenho como esperar resultados e reações racionais também das demais pessoas.

Se eu fosse uma mulher eu poderia pensar racionalmente, "o que tem de mais trair, está tudo certo", eu pensar assim me daria uma liberdade para fazer o que eu quisesse, mas depois também teria que ter uma forte convicção para aguentar a pressão social que seria evidente e inevitável, infelizmente.

Não sei se consegui me fazer entender, hehehehe. Valeu.
avatar
Borg
Admin

Mensagens : 770
Data de inscrição : 08/08/2014

Re: Essa tal de "internetis"

Mensagem por Borg em Qui Jan 08, 2015 8:48 am

Olha, eu concordo 100% com o PH Neutro.

A sociedade é machista e covarde. O cara tem uma namorada, a convence por todas as maneiras a tirar umas fotos íntimas, que dão sempre uma apimentada no relacionamento... aí eles terminam e o cara fica putinho e posta as fotos na rede, sabendo que a "sociedade" vai tachar ela de puta e vadia, de vagabunda, de isso e aquilo mais.... por algo que todo mundo faz, só que não documenta.

Aparece um monte de foto de menina arreganhada na internet, mas tem que separar aquela que faz propositalmente e tenta vender como "amadora" ou "caiu na Net", daquela que caiu no conto do namorado honesto. Sim, pq a palavra de um homem não muda com o fim de um relacionamento, a palavra de um homem é a expressão máxima de sua honestidade e integridade. Aquele cara que garante sigilo pra namorada e depois que eles terminam muda de atitude... na boa, isso pra mim é canalha. E canalha que age assim vai agir nas demais ações de sua vida... como lhe convém. Ou seja, é o tipo de gente que quero muito longe de meu pequeno círculo de amizades.

Já traí, já fui traído. Eu traí muito uma mulher que tenho quase certeza de que nunca me traiu, e se eu descobrisse que ela tinha me traído... na boa, chamar ela de vadia seria hipocrisia. Já fui traído por uma mulher que fiz questão de ser o mais correto possível, mas não a chamei de vadia... pq eu não era um bom companheiro, só percebi isso depois que terminei com ela. Ou seja, é muito fácil julgar sem querer entender de fato o que houve pra que a traição ocorresse.

Uma coisa que aprendi nesses 45 anos de vida é que, sem respeito e sinceridade, não existe relação. Vc pode ter problemas conjugais, mas se o casal está disposto a conversar a respeito, existe grande chance de que os problemas sejam resolvidos ou atenuados de modo a permitir a duração da relação... Agora, é 100% fato que, se a intimidade de um homem é exposta na internet, ele é galudão, fodão, pegador nato... e se a intimidade for da mulher, é vagabunda, vadia, piranha, merece ser estuprada e tomara que engravide de um vagabundo e perca tudo na vida. Essa é a sociedade que vivemos, especialmente no ambiente de internet, onde uma mentira proferida e curtida sem parar se torna a mais pura verdade sob os olhos de quem deseja que seja assim. Basta fazer massa de manobra e vender algo que se possa mostrar como é "coerente"....

A sociedade é hipócrita. Todo mundo sabe disso... mas isso não quer dizer que cada um de nós possa ser hipócrita e dar como desculpa o modus operandi da sociedade. Eu não quero ser igual a um hipócrita, eu luta pra que todos os dias eu acorde um pouquinho melhor do que era no dia anterior... é uma luta diária e complicada... mas o tempo está do nosso lado.
avatar
Mazikamno

Mensagens : 232
Data de inscrição : 23/09/2014

Re: Essa tal de "internetis"

Mensagem por Mazikamno em Qui Jan 08, 2015 10:07 am

Eu também concordo 100% com o PH mas também concordo 100% com que os outros falaram, parece impossível mas não é, hehehe.

Penso que não é impossível, porque estamos debatendo essa história toda, de duas maneiras diferentes: uma de acordo com o idealismo e a outra baseada na prática.

A análise do idealismo de PH está 100% correta, mas a análise de prática social dos demais também está 100% correta, não quer dizer que eu penso assim, mas entendo perfeitamente.

Aqui acredito que todos sabem o que é o correto, mas também todos sabem como funciona na prática.

O idealismo é como o PH falou, envolve toda uma subjetividade, uma racionalidade tremenda, avaliando as variáveis, e que no fim das contas se fosse realmente aplicado por todos, a palavra puta, vadia seria totalmente exterminada dos vocabulários, pois sempre encontraríamos justificativas.

A prática porém está longe do idealismo, isso porque nem todos tem a mesma educação, nem todos tem o mesmo desenvolvimento emocional, e nem todos tem a mesma experiência de vida, então o julgamento de quem não analisa dentro do ideal sempre existirá, as vezes até como uma válvula de escape para uma raiva enrustida, hehe.

Para piorar, a prática, para quem prega o idealismo, também deve ser analisada subjetivamente. Não podemos analisar subjetivamente apenas os fatos da vítima que caiu na net, e desconsiderar uma análise subjetiva também para aqueles que a julgam como puta. Porque se encontramos razões para "imacular" a atitude da moça que caiu, também podemos encontrar razões para "inocentar" quem a chamou de puta. Perfeitamente possível.

Neste caso então a subjetividade também deve ser considerada para o lado de quem julga, assim podemos entender porque estão julgando daquela maneira, cabendo a quem quiser a tentativa de orientar o caminho que acredita ser o ideal e aí já entramos em outra questão do que é o certo e o que é o errado para tentarmos impor o ideal. Complicado.

Não sei se consegui me fazer entender, mas tá valendo, hehehe
avatar
Crixus

Mensagens : 335
Data de inscrição : 13/08/2014

Re: Essa tal de "internetis"

Mensagem por Crixus em Qui Jan 08, 2015 10:56 am

No fringir dos ovos o que vale é a vivência. Vc pode chamar de puta hj, mas, acontece com alguém que você ama, deixa de ser puta e passa a ser vítima. Ou seja o que vale é o que se sente naquele momento. O universo da teoria e o da prática é uma linha tênue de diferença. Por isso eu sempre penso é puta? Depende, e vai depender unicamente de que lado da história eu vou estar.
avatar
Borg
Admin

Mensagens : 770
Data de inscrição : 08/08/2014

Re: Essa tal de "internetis"

Mensagem por Borg em Qui Jan 08, 2015 11:12 am

Crixus escreveu:No fringir dos ovos o que vale é a vivência.  Vc pode chamar de puta hj, mas, acontece com alguém que você ama,  deixa de ser puta e passa a ser vítima. Ou seja o que vale é o que se sente naquele momento. O universo da teoria e o da prática é uma linha tênue de diferença. Por isso eu sempre penso é puta?  Depende, e vai depender unicamente de que lado da história eu vou estar.

Qual pílula vc tomou hoje? A azul ou a vermelha?? KKKKKKKKKKKKK
avatar
victor andrade

Mensagens : 352
Data de inscrição : 02/10/2014

Re: Essa tal de "internetis"

Mensagem por victor andrade em Qui Jan 08, 2015 11:28 am

Kkkkkkkkkkkkkkkk esse avatar do crixus resume bem o dilema que estamos conversando.
avatar
Crixus

Mensagens : 335
Data de inscrição : 13/08/2014

Re: Essa tal de "internetis"

Mensagem por Crixus em Qui Jan 08, 2015 12:01 pm

Borg escreveu:
Crixus escreveu:No fringir dos ovos o que vale é a vivência.  Vc pode chamar de puta hj, mas, acontece com alguém que você ama,  deixa de ser puta e passa a ser vítima. Ou seja o que vale é o que se sente naquele momento. O universo da teoria e o da prática é uma linha tênue de diferença. Por isso eu sempre penso é puta?  Depende, e vai depender unicamente de que lado da história eu vou estar.

Qual pílula vc tomou hoje? A azul ou a vermelha?? KKKKKKKKKKKKK

Kkkkkkkkkkkkkkkkk hoje fui de vermelhinha
avatar
Ph neutro

Mensagens : 130
Data de inscrição : 10/11/2014

Re: Essa tal de "internetis"

Mensagem por Ph neutro em Qui Jan 08, 2015 5:21 pm

Mazikamno escreveu:PH Neutro, traiu várias namoradas e ainda conta aqui todo tranquilo, baita de um puto, hehehe

Calma PH, estou brincando, estou brincando, não se ofenda, hehe

Pois é, no fim tudo é compreensível, tanto as reações irracionais como as mais ponderadas.
Mas na prática, mesmo que minhas condutas e ações sejam "racionais" e ponderadas, infelizmente, mesmo eu agindo assim racionalmente, ainda não tenho como esperar resultados e reações racionais também das demais pessoas.

Se eu fosse uma mulher eu poderia pensar racionalmente, "o que tem de mais trair, está tudo certo", eu pensar assim me daria uma liberdade para fazer o que eu quisesse, mas depois também teria que ter uma forte convicção para aguentar a pressão social que seria evidente e inevitável, infelizmente.

Não sei se consegui me fazer entender, hehehehe. Valeu.

heheheheh se você for do tipo que pensa que traição começa na imaginação, então posso afirmar que todos (homens e mulheres) todos... ja traíram seus parceiros.

eu entendo o que cada um escreveu. Mas, acho que o crixus sintetizou bem, sua opinião vai depender exclusivamente de qual lado você estará.
avatar
Ph neutro

Mensagens : 130
Data de inscrição : 10/11/2014

Re: Essa tal de "internetis"

Mensagem por Ph neutro em Qui Jan 08, 2015 5:25 pm

Borg escreveu:Olha, eu concordo 100% com o PH Neutro.

A sociedade é machista e covarde. O cara tem uma namorada, a convence por todas as maneiras a tirar umas fotos íntimas, que dão sempre uma apimentada no relacionamento... aí eles terminam e o cara fica putinho e posta as fotos na rede, sabendo que a "sociedade" vai tachar ela de puta e vadia, de vagabunda, de isso e aquilo mais.... por algo que todo mundo faz, só que não documenta.

Aparece um monte de foto de menina arreganhada na internet, mas tem que separar aquela que faz propositalmente e tenta vender como "amadora" ou "caiu na Net", daquela que caiu no conto do namorado honesto. Sim, pq a palavra de um homem não muda com o fim de um relacionamento, a palavra de um homem é a expressão máxima de sua honestidade e integridade. Aquele cara que garante sigilo pra namorada e depois que eles terminam muda de atitude... na boa, isso pra mim é canalha. E canalha que age assim vai agir nas demais ações de sua vida... como lhe convém. Ou seja, é o tipo de gente que quero muito longe de meu pequeno círculo de amizades.

Já traí, já fui traído. Eu traí muito uma mulher que tenho quase certeza de que nunca me traiu, e se eu descobrisse que ela tinha me traído... na boa, chamar ela de vadia seria hipocrisia. Já fui traído por uma mulher que fiz questão de ser o mais correto possível, mas não a chamei de vadia... pq eu não era um bom companheiro, só percebi isso depois que terminei com ela. Ou seja, é muito fácil julgar sem querer entender de fato o que houve pra que a traição ocorresse.

Uma coisa que aprendi nesses 45 anos de vida é que, sem respeito e sinceridade, não existe relação. Vc pode ter problemas conjugais, mas se o casal está disposto a conversar a respeito, existe grande chance de que os problemas sejam resolvidos ou atenuados de modo a permitir a duração da relação... Agora, é 100% fato que, se a intimidade de um homem é exposta na internet, ele é galudão, fodão, pegador nato... e se a intimidade for da mulher, é vagabunda, vadia, piranha, merece ser estuprada e tomara que engravide de um vagabundo e perca tudo na vida. Essa é a sociedade que vivemos, especialmente no ambiente de internet, onde uma mentira proferida e curtida sem parar se torna a mais pura verdade sob os olhos de quem deseja que seja assim. Basta fazer massa de manobra e vender algo que se possa mostrar como é "coerente"....

A sociedade é hipócrita. Todo mundo sabe disso... mas isso não quer dizer que cada um de nós possa ser hipócrita e dar como desculpa o modus operandi da sociedade. Eu não quero ser igual a um hipócrita, eu luta pra que todos os dias eu acorde um pouquinho melhor do que era no dia anterior... é uma luta diária e complicada... mas o tempo está do nosso lado.

Você entendeu bem o que quis dizer. Essa parte que eu grifei achei que você bem fez feliz ao escrever. Não importa se é ou não verdade, a única coisa que importa é a "verdade" que eles querem ouvir, qual dá mais ibope? qual é melhor para "mídia" uma verdade que não vende não vale...  para falar a verdade se a mentira é muito mais divertida?
avatar
Ph neutro

Mensagens : 130
Data de inscrição : 10/11/2014

Re: Essa tal de "internetis"

Mensagem por Ph neutro em Qui Jan 08, 2015 5:31 pm

Mazikamno escreveu:Eu também concordo 100% com o PH mas também concordo 100% com que os outros falaram, parece impossível mas não é, hehehe.

Penso que não é impossível, porque estamos debatendo essa história toda, de duas maneiras diferentes: uma de acordo com o idealismo e a outra baseada na prática.

A análise do idealismo de PH está 100% correta, mas a análise de prática social dos demais também está 100% correta, não quer dizer que eu penso assim, mas entendo perfeitamente.

Aqui acredito que todos sabem o que é o correto, mas também todos sabem como funciona na prática.

O idealismo é como o PH falou, envolve toda uma subjetividade, uma racionalidade tremenda, avaliando as variáveis, e que no fim das contas se fosse realmente aplicado por todos, a palavra puta, vadia seria totalmente exterminada dos vocabulários, pois sempre encontraríamos justificativas.

A prática porém está longe do idealismo, isso porque nem todos tem a mesma educação, nem todos tem o mesmo desenvolvimento emocional, e nem todos tem a mesma experiência de vida, então o julgamento de quem não analisa dentro do ideal sempre existirá, as vezes até como uma válvula de escape para uma raiva enrustida, hehe.

Para piorar, a prática, para quem prega o idealismo, também deve ser analisada subjetivamente. Não podemos analisar subjetivamente apenas os fatos da vítima que caiu na net, e desconsiderar uma análise subjetiva também para aqueles que a julgam como puta. Porque se encontramos razões para "imacular" a atitude da moça que caiu, também podemos encontrar razões para "inocentar" quem a chamou de puta. Perfeitamente possível.

Neste caso então a subjetividade também deve ser considerada para o lado de quem julga, assim podemos entender porque estão julgando daquela maneira, cabendo a quem quiser a tentativa de orientar o caminho que acredita ser o ideal e aí já entramos em outra questão do que é o certo e o que é o errado para tentarmos impor o ideal. Complicado.

Não sei se consegui me fazer entender, mas tá valendo, hehehe

Se você conseguir ficar neutro/imparcial você conseguirá sim entender 100% tanto o que eu digo quanto o que os outros disseram.
Mas, me fala ai qual tua opinião real da situação?
avatar
Laerte

Mensagens : 257
Data de inscrição : 11/10/2014

Re: Essa tal de "internetis"

Mensagem por Laerte em Qui Jan 08, 2015 5:38 pm

éhhhhhhhhhhhhhhhhhh....... situação foda. A primeira coisa que venha a cabeça não tem como é que ela de puta rsrs, infelizmente vem no automático. Mas, quando se analisa a fundo a questão no que o Ph acido, ops... neutro escreveu, hehehehehe, não tem como não concordar a não ser completamente, por que de fato estar certo, mas, isso é pensando racionalmente, por que de primeira meu irmão..... ha ha ha... o trem é completamente diferente.
avatar
Mazikamno

Mensagens : 232
Data de inscrição : 23/09/2014

Re: Essa tal de "internetis"

Mensagem por Mazikamno em Qui Jan 08, 2015 7:08 pm

Ph neutro escreveu:Se você conseguir ficar neutro/imparcial você conseguirá sim entender 100% tanto o que eu digo quanto o que os outros disseram.
Mas, me fala ai qual tua opinião real da situação?

Sim, por isso que disse que entendi e concordo 100% com os dois lados.

Sobre a minha opinião, no caso específico dessa moça, eu não ligo. Não ligo se ela se ferrou, não tenho compaixão, não tenho ódio, não a julgo, não a condeno, não estou nem aí, nem para ela e nem para os dois amantes dela. Não ligo. Se olhar verá que nem me manifestei, nem chamei a mulher de vadia, nem a defendi, e nem tive interesse em pedir vídeo pra ver, já que para mim seria assistir uma desconhecida transando. E desconhecida transando, na internet, está cheio esta é só mais uma. Só me manifestei, depois que o debate melhorou e muito em virtude de suas boas colocações.

Mas continuando:
Porém, se a moça fosse da minha cidade e eu a conhecesse(até mesmo de vista), aí a parada mudaria de figura, aí a curiosidade entraria em cena,  What a Face seria mais forte que eu, o lobo mau entraria em ação,  Twisted Evil  iria ser difícil controlar, só se eu estivesse fazendo curso pra santo e olhe lá, seria uma provação, hehe

Provavelmente, quase certo, Very Happy  que eu iria querer ver o vídeo e possivelmente, todo o tipo de julgamento passaria por minha cabeça, agora não sei dizer quais seriam esses julgamentos. Pois eles dependeriam realmente de quem estivesse ali no vídeo, também dependeriam do conhecimento que eu teria sobre está pessoa(a ideia formada em minha cabeça, mesmo que errada), além das circunstâncias que me ligam a ela.

Meus julgamentos dependeriam disso. Se quiser posso citar exemplos das variáveis para ficar mais claro.

Seria mais ou menos isso, casos específicos, hehe. É a minha triste realidade, infelizmente, hehehe
avatar
Ph neutro

Mensagens : 130
Data de inscrição : 10/11/2014

Re: Essa tal de "internetis"

Mensagem por Ph neutro em Sex Jan 09, 2015 12:16 pm

Mazikamno escreveu:
Sim, por isso que disse que entendi e concordo 100% com os dois lados.

Sobre a minha opinião, no caso específico dessa moça, eu não ligo. Não ligo se ela se ferrou, não tenho compaixão, não tenho ódio, não a julgo, não a condeno, não estou nem aí, nem para ela e nem para os dois amantes dela. Não ligo. Se olhar verá que nem me manifestei, nem chamei a mulher de vadia, nem a defendi, e nem tive interesse em pedir vídeo pra ver, já que para mim seria assistir uma desconhecida transando. E desconhecida transando, na internet, está cheio esta é só mais uma. Só me manifestei, depois que o debate melhorou e muito em virtude de suas boas colocações.

Mas continuando:
Porém, se a moça fosse da minha cidade e eu a conhecesse(até mesmo de vista), aí a parada mudaria de figura, aí a curiosidade entraria em cena,  What a Face seria mais forte que eu, o lobo mau entraria em ação,  Twisted Evil  iria ser difícil controlar, só se eu estivesse fazendo curso pra santo e olhe lá, seria uma provação, hehe

Provavelmente, quase certo, Very Happy  que eu iria querer ver o vídeo e possivelmente, todo o tipo de julgamento passaria por minha cabeça, agora não sei dizer quais seriam esses julgamentos. Pois eles dependeriam realmente de quem estivesse ali no vídeo, também dependeriam do conhecimento que eu teria sobre está pessoa(a ideia formada em minha cabeça, mesmo que errada), além das circunstâncias que me ligam a ela.

Meus julgamentos dependeriam disso. Se quiser posso citar exemplos das variáveis para ficar mais claro.

Seria mais ou menos isso, casos específicos, hehe. É a minha triste realidade, infelizmente, hehehe

hehehe entendo. Meu lado "pró" vitimas, tem a ver com o que fizeram com minha prima, acho que por isso tenho reações desse nível quando vejo essas coisas.
avatar
Malévola

Mensagens : 81
Data de inscrição : 05/09/2014

Re: Essa tal de "internetis"

Mensagem por Malévola em Seg Jan 19, 2015 10:02 am

Oiiiiaaa que o bicho pegou no tópico e eu nem vi..

que história mais engraçada de ridicula tandra, realmente existem homens assim?? quer dizer moleques né, por que isso ai é papel de moleque de quinta série.

em relação ao vídeo é tenso, isso ocorre direto, teve até casos de suicídios que se ve ai na mídia por causa dessas coisas. Tenho o pensamento bem parecido com o do PH em relação a essas coisas.
avatar
morpheus

Mensagens : 276
Data de inscrição : 29/09/2014

Re: Essa tal de "internetis"

Mensagem por morpheus em Seg Jan 19, 2015 9:27 pm

Malévola escreveu:Oiiiiaaa que o bicho pegou no tópico e eu nem vi..

que história mais engraçada de ridicula tandra, realmente existem homens assim?? quer dizer moleques né, por que isso ai é papel de moleque de quinta série.

em relação ao vídeo é tenso, isso ocorre direto, teve até casos de suicídios que se ve ai na mídia por causa dessas coisas. Tenho o pensamento bem parecido com o do PH em relação a essas coisas.

segundo a tandra eles ficam vindo aqui nos visitar todos os dias, kkkkkkkkkkk nem a própria tandra e borg entram todos os dias  nos fórum rs
avatar
Tandra
Admin

Mensagens : 529
Data de inscrição : 08/08/2014
Idade : 27

Re: Essa tal de "internetis"

Mensagem por Tandra em Ter Jan 20, 2015 10:55 am

morpheus escreveu:
Malévola escreveu:Oiiiiaaa que o bicho pegou no tópico e eu nem vi..

que história mais engraçada de ridicula tandra, realmente existem homens assim?? quer dizer moleques né, por que isso ai é papel de moleque de quinta série.

em relação ao vídeo é tenso, isso ocorre direto, teve até casos de suicídios que se ve ai na mídia por causa dessas coisas. Tenho o pensamento bem parecido com o do PH em relação a essas coisas.

segundo a tandra eles ficam vindo aqui nos visitar todos os dias, kkkkkkkkkkk nem a própria tandra e borg entram todos os dias  nos fórum rs

hehehehe as vezes realmente não da para entrar, final de ano mesmo quase não entramos.
Mas, sabe, acho que eles pararam de vir,  tem um bom tempo que não entro no fórum pelo meu not, e pelo celular não dá para ver o numero de usuários online. Acho que todo mundo ja seguiu sua vida, bem... é o que manda o bom senso.

Eu também concordo com o PH, Malévola, mas, nosso pensamento é de mulher, homem naturalmente pensa como os meninos postaram "é puta e pronto" rs


_________________
Dalla Riva Consultoria de alimentos. Nossas Soluções em consultoria.
Acesse: www.dallariva.com.br 
avatar
Borg
Admin

Mensagens : 770
Data de inscrição : 08/08/2014

Re: Essa tal de "internetis"

Mensagem por Borg em Qua Jan 28, 2015 11:38 am

Tandra escreveu:Agora mudando completamente de assunto, acabei de receber aqui pelo wpp um vídeo que fizeram de uma menina la na minha cidade, a menina é muito conhecida por la, é é bonita, noiva, tem emprego, enfim, ela traiu o namorado e o carinha que ficou com ela gravou tudo no mesmo minuto soltou para todo mundo. Eu estou aqui no RJ agora, e ja recebe esse vídeo de duas pessoas diferente uma mora na minha cidade e a outra mora na cidade ao lado. Agora pensa como vai a vida dessa mulher agora, ja se espalhou pela cidade inteira ela ta fodida...

O povo está até hoje aguardando esse vídeo, srta. Tandra....

Falo em nome da comunidade masculina do Coffee-Break, KKKKKKKKKKKKKKK
avatar
Ph neutro

Mensagens : 130
Data de inscrição : 10/11/2014

Re: Essa tal de "internetis"

Mensagem por Ph neutro em Qua Jan 28, 2015 3:26 pm

tandra aproveitou minha deixa e esqueceu de mandar o vídeo, posta saporra tandrinha
avatar
Cachorro Louco

Mensagens : 186
Data de inscrição : 16/10/2014

Re: Essa tal de "internetis"

Mensagem por Cachorro Louco em Ter Mar 10, 2015 9:22 pm

não é querendo voltar ao assunto anteriormente falado, mas, estamos com mais de 90 vsitantes. Acabei de entrar e acabei de ver, lembrei de, tandra, falando sobre isso algumas páginas, será que tem a ver???? será que eles estão aqui?? kkkkk
avatar
Crixus

Mensagens : 335
Data de inscrição : 13/08/2014

Re: Essa tal de "internetis"

Mensagem por Crixus em Ter Mar 10, 2015 9:28 pm

Cachorro Louco escreveu:não é querendo voltar ao assunto anteriormente falado, mas, estamos com   mais de 90 vsitantes. Acabei de entrar e acabei de ver, lembrei de, tandra, falando sobre isso algumas páginas, será que tem a ver???? será que eles estão aqui?? kkkkk

Dos Agora que tu falou fui olhar e num é que é mesmo kkkkk. Mas acho que não deva ser não. Pelo o que disseram aqui isso já tem mais de mês, esse povo já deve ter seguido a vida já.
avatar
Ph neutro

Mensagens : 130
Data de inscrição : 10/11/2014

Re: Essa tal de "internetis"

Mensagem por Ph neutro em Ter Mar 10, 2015 9:38 pm

Ou não.
avatar
Cachorro Louco

Mensagens : 186
Data de inscrição : 16/10/2014

Re: Essa tal de "internetis"

Mensagem por Cachorro Louco em Ter Mar 10, 2015 9:41 pm

kkkkkkkkkkkkkkkk ou não!!!
avatar
Tandra
Admin

Mensagens : 529
Data de inscrição : 08/08/2014
Idade : 27

Re: Essa tal de "internetis"

Mensagem por Tandra em Ter Mar 10, 2015 9:53 pm

hahahahaha vão são fodas, estão bem atentos né, eu até tinha visto, mas, como esta na última semana da novela, estou vidrada aqui hehehehehehe

mas, sinceramente não acho que deva ser, mesmo por que, não tem por que ser. Nosso fórum é extremamente criticado por eles, exatamente por não termos o que eles querem ou pelo não ser as pessoas certas para fornecer o que eles querem. Nesse sentido não acredito que eles estejam aqui. Ao menos que estejam armando um ataque kamikaze para destruir esse fórum, e se vingar de nós, ja que não encontraram pessoalmente para nos matar. kkkkkkkkkkk

relaxa gente, eu sinceramente acho que eles não seriam tão patéticos a ponto de ainda ficarem vigiando minha vida, a do borg e o nosso forum, o que acontece ou deixa de acontecer aqui, para poder sei la, fazer panelinhas, ou armar alguma coisa A vida deles deve ser mais que isso, mais do que "essa tal de internet". A vida de todo mundo é mais que isso, seria realmente ridículo se eles ainda estivesse a prestar esse papel, seriam dignos de pena.


_________________
Dalla Riva Consultoria de alimentos. Nossas Soluções em consultoria.
Acesse: www.dallariva.com.br 

Conteúdo patrocinado

Re: Essa tal de "internetis"

Mensagem por Conteúdo patrocinado


    Data/hora atual: Sab Jul 22, 2017 1:49 pm