ALIMENTE SEU CONHECIMENTO - FÓRUM DE INFORMAÇÕES E NOTÍCIAS RELACIONADAS A ALIMENTOS E SEUS FABRICANTES


Intervenção militar

Compartilhe
avatar
victor andrade

Mensagens : 352
Data de inscrição : 02/10/2014

Intervenção militar

Mensagem por victor andrade em Qui Nov 20, 2014 9:16 am

Tem-se falado muito nisso ultimamente principalmente nas redes sociais. Mas vocês realmente acham que é a solução, acha que nossa política, economia, sociedade como um todo só vai se estabilizar tomando essa medida? O que vocês pensam??
avatar
Tandra
Admin

Mensagens : 529
Data de inscrição : 08/08/2014
Idade : 28

Re: Intervenção militar

Mensagem por Tandra em Dom Nov 23, 2014 9:17 pm

Não sei se seria uma boa ideia não. Iria com certeza por "ordem" nessa palhaçada que esta tudo hoje, mas, acho o Brasil muito imaturo para tal medida, na verdade acho que o Brasil esta imaturo em todos os sentidos. Enquanto os nossos políticos pensarem com o bolso e não como cidadão brasileiro empenhado em ver esse país crescer, vamos continuar com essa merda de governo. O problema não esta no regime que estamos esta nos políticos que nos governam.


_________________
Dalla Riva Consultoria de alimentos. Nossas Soluções em consultoria.
Acesse: www.dallariva.com.br 
avatar
Borg
Admin

Mensagens : 770
Data de inscrição : 08/08/2014

Re: Intervenção militar

Mensagem por Borg em Seg Nov 24, 2014 4:23 pm

É um tema complicado de debater sem amarras de opinião, porque as pessoas confundem intervenção militar com golpe de estado, mais especificamente, com o golpe de 64.

Olhando friamente... nosso país tá fudido. A classe política está blindada por eles mesmos, por leis que os protegem e lhes garante riqueza e poder. Estes nomes que estamos vendo nos últimos escândalos são bois de piranha, sacrifícios necessários para que os partidos continuem a roubar, além de ricaços que não são políticos e por isso não possuem as mesmas defesas, vide os empreiteiros presos. Nunca se arrecadou tanto e se desviou tanto. Nosso poder de arrecadação se tornou invejável, as indústrias prosperaram, a NF eletrônica reduziu em muito a sonegação... o dinheiro começou a entrar numa quantidade nunca antes vista, mas a inoperância na melhoria dos serviços à população em nada se alterou, pq o que faria a diferença foi pro bolso dos políticos e envolvidos nos esquemas. Hoje os partidos políticos possuem mais capital, riquezas e influência do que grandes indústrias nacionais. Um PMDB da vida tem mais dinheiro do que conseguem contar, tudo devidamente dividido entre seus associados e asseclas...

Num quadro como esse, onde o mal vai se perpetuar, onde a roubalheira está instituída e concretizada em todos os escalões do governo e oposição... como fazer com que a roubalheira acabe, como fazer com que os desvios acabem ou diminuam a ponto de se conseguir melhorar o sistema de saúde da população, por exemplo?

As pessoas em desespero apelam aos militares, com a esperança de que eles pudessem destituir Senado, Câmaras e a presidência da república, para poder realizar um processo de reavaliação política do Brasil, revendo cargos, salários, comissões, poderes e regalias... uma espécie de auditoria do poder público. Se isso rolasse de fato e se os militares agissem da maneira que a população sonha, com certeza em 4 anos mjuita coisa iria mudar pra melhor, o dinheiro iria sobrar, a sensação de impunidade seria recolocada a um patamar aceitável pelo povo... só que as pessoas esquecem de algumas coisas:

1- Os militares, por mais educação marcial que tenham recebido, são suscetíveis à sedução do poder. O jogo de poder rola nas forças armadas, imaginem num sistema de governo...

2- Muitos políticos iriam acabar associados ao regime militar, especialmente as raposas velhas, que com certeza já teriam alguns fardados "no bolso" preventivamente. No final teríamos alguns Sarneys, Temers, Silvas e similares andando livremente no corredores do Planalto, como se nada tivesse acontecido.

3- Alguns militares defasados poderiam encarar a intervenção como um outro golpe... isso fatalmente iria gerar casos de abuso, coação e violência desnecessária, em nome do país.

4- Durante o regime militar, houve casos de corrupção similares aos que estamos vendo hoje, inclusive na Petrobrás... só que em uma escala financeira muito menor, até pq na época a cia era muito menor.

5- Durante os 4 anos de intervenção, nosso crescimento como país iria reduzir muito, pois um sistema militar não possui a mesma agilidade e proatividade de um sistema democrático, onde muito mais pessoas agem visando crescimento. Num sistema militar, antes de fazer algo grande, é necessário obter o consentimento militar, e isso na prática pode ser algo extremamente burocrático... isso me faz lembrar o Ministério da Desburocratização, criado em 79 e extinto em 86, com o fim da ditadura....


Ou seja, na minha opinião, a maior serventia dos militares seria o ato de expulsar os ladrões existentes nos 3 poderes, substituindo eles por suplentes sem as regalias existentes, com salário atrelado ao salário mínimo e ostensivamente vigiados, para garantir que o mal não voltasse ao poder com facilidade... pq é impossível ter um governo sem corrupção ou falcatruas.. o que podemos ter é um governo que puna com absurda severidade e rigor casos de corrupção e falcatrua...
avatar
Borg
Admin

Mensagens : 770
Data de inscrição : 08/08/2014

Re: Intervenção militar

Mensagem por Borg em Qua Nov 26, 2014 12:02 pm

Ninguém mais quer opinar???

KKKKKKKKK
avatar
morpheus

Mensagens : 276
Data de inscrição : 29/09/2014

Re: Intervenção militar

Mensagem por morpheus em Qua Nov 26, 2014 12:09 pm

é um terreno um pouco complicado esse ai kkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
avatar
Mazikamno

Mensagens : 232
Data de inscrição : 23/09/2014

Re: Intervenção militar

Mensagem por Mazikamno em Qua Nov 26, 2014 1:06 pm

Intervenção militar no Brasil, só se for dos americanos. 

O assunto é complicado mesmo. Pois quais seriam as motivações? Neste caso está bem evidente que a motivação é o descontentamento com o governo do PT, com mais uma reeleição do PT. 

Porém, como admitir isso seria ridículo, o pessoal prefere desvirtuar, dizer que vivemos a pior época da história do Brasil, e que algo precisa ser feito com urgência, se não já era, é o fim, etc.
 
Assim para não ferir a democracia de forma descarada e deslavada, pedem a intervenção militar, mas não para instalar a ditadura, "capaz continuamos sendo um país democrático, queremos a intervenção militar apenas para tirar os ladrões do poder, que coincidentemente seriam do PT." 

O outro lado da ladroagem, PSDBistas, que são tão sujos quanto, seriam empossados no poder como os salvadores. E as mudanças lógico, apareceriam, ou melhor, o que está ruim "deixaria de existir", a mídia sossegaria por um bom tempo, mas não significaria que o país iria melhorar ou estaria melhor. 

O assunto é complicado porque as motivações são erradas e partem de uma parcialidade e essa parcialidade cega. Ninguém pensa realmente no melhor para o Brasil, estão mais na emoção do que na razão. 

É engraçado que eu tenho um exemplo bem claro disso: Aqui na minha cidade o governo é de direita, dificilmente a esquerda ganha, nem o Lula no auge, venceu aqui. 

E por incrível que pareça alguns fatos acontecem exatamente igual ao que acontece no governo federal, só que em proporções menores. Um exemplo:

Aqui desciam o laço nas obras da Copa de 2014, rasgavam a boca falando mal, falando que era vergonha tirar da educação, saúde, etc, para por em estádio de futebol. Ok, concordo plenamente.

Aconteceu então da Chapecoense subir para a série A, e a cidade se viu obrigada a ampliar o estádio para que se pudesse ter jogos do brasileirão por aqui. 

Aí, 1 milhão para trocar a grama, 10, 15 milhões para fazer ampliação. E daí? Esse dinheiro, para um município de 200 mil habitantes faz falta! 

Mas vocês pensam que tivemos as mesmas reclamações de que é uma vergonha gastar dinheiro em estádio? Evidente que não, "não se joga série A com hospitais". hehehe.

No fim do ano de 2013, teve greve dos servidores da educação municipal, e a cara do prefeito para dizer que não tinha dinheiro? A maioria do povo aqui ficou quieto, a imprensa ficou quieta, está tudo lindo, está perfeito, melhor reclamar do governo federal que é de oposição. Assim é fácil. Por isso é uma palhaçada. 

O raciocínio é mais ou menos esse: Aqui em Chapecó vivemos no mundo perfeito, tem buraco no asfalto, políticos ladrões, temos um dos maiores índices de homicídios por habitante do Brasil, mas isso tudo faz parte e se justifica, nada de ruim existe realmente. Porém se ultrapassamos a fronteira do município, então entramos no Brasil do PT! Uma desgraça só, corrupção, nada dá certo, e toda aquela ladainha.

Querem revolução, que comecem cobrando o prefeito e vereadores da cidade, sejam de direita ou de esquerda, que pode ter certeza que tem rabo preso. Ninguém investe centenas de milhares ou milhões nas candidaturas para ter como retorno e único benefício um salário de 8 ou 10 mil e incomodações.
avatar
victor andrade

Mensagens : 352
Data de inscrição : 02/10/2014

Re: Intervenção militar

Mensagem por victor andrade em Sab Jan 24, 2015 9:17 am

O que vc acha sobre o tema desse tópico Dartagnan?
avatar
Dartagnan

Mensagens : 108
Data de inscrição : 28/08/2014
Localização : Rio de Janeiro

Re: Intervenção militar

Mensagem por Dartagnan em Dom Jan 25, 2015 7:25 am

Acho uma bobagem. Coisa dita igual casal brigando....sem pensar.

Até compreendo que o governo, infelizmente, dá os sinais clássicos pra esse tipo de medo: já deixou claro que adoraria instituir censura da mídia (com o eufemismo: 'controle social'), intervenção em tudo na economia, Foro de São Paulo, projetos de lei cada vez mais bizarros e por aí vai...a perda da nossas liberdades individuais sempre se dá aos poucos, dificilmente é numa tacada só, estilo revolução cubana. E quando isso acontece, já é tarde demais pra você reagir; daí o medo de algumas pessoas meio que se justificar. Já conheço algumas pessoas que saíram do Brasil em parte por isso. As agências tão rindo a toa...e eu mesmo já ponderei essa possibilidade (mas no meu caso era independente do governo que temos, embora seja um incentivo a mais).

Mas veja, o Lula mesmo, no auge da popularidade, já poderia ter feito algo mais drástico nesse sentido de tornar o Brasil socialista logo de vez. Por outro lado, o governo Dilma infelizmente ajuda o Brasil a ser esse país que a esquerda mais atrasada aqui adora....

Mas é um assunto que vai longe....eu não tenho opinião tão bem formada. Mas em princípio, sou contra intervenção militar. Até porque o povão em geral vai botar tudo na conta da direita, que não passa de uma sombra hoje em dia, embora tenha ganhado mais espaço, devido a insatisfação cada vez maior com os rumos do país.


_________________
Pense positivo. Não te garanto que tudo irá dar certo. Mas com certeza pensar negativo será pior...
avatar
morpheus

Mensagens : 276
Data de inscrição : 29/09/2014

Re: Intervenção militar

Mensagem por morpheus em Dom Jan 25, 2015 9:50 pm

Situação complicada, mas, penso que remediar de tal forma não é a solução, negou acha que governo militar é acima de qlq coisa, qual é?? Povo endeusando um governo que outrora foi extremamente prejudicial para brasi. O Brasil precisa sim de um governo que faça pelo povo, e pelo país urgentemente, não de um remédio ineficaz.
avatar
Laerte

Mensagens : 257
Data de inscrição : 11/10/2014

Re: Intervenção militar

Mensagem por Laerte em Seg Jan 26, 2015 8:49 am

Dartagnan escreveu:Acho uma bobagem. Coisa dita igual casal brigando....sem pensar.

so essa frase ja disse tudo rsrsrs
avatar
Ph neutro

Mensagens : 130
Data de inscrição : 10/11/2014

Re: Intervenção militar

Mensagem por Ph neutro em Seg Jan 26, 2015 8:57 am

Borg escreveu:É um tema complicado de debater sem amarras de opinião, porque as pessoas confundem intervenção militar com golpe de estado, mais especificamente, com o golpe de 64.

Olhando friamente... nosso país tá fudido. A classe política está blindada por eles mesmos, por leis que os protegem e lhes garante riqueza e poder. Estes nomes que estamos vendo nos últimos escândalos são bois de piranha, sacrifícios necessários para que os partidos continuem a roubar, além de ricaços que não são políticos e por isso não possuem as mesmas defesas, vide os empreiteiros presos. Nunca se arrecadou tanto e se desviou tanto. Nosso poder de arrecadação se tornou invejável, as indústrias prosperaram, a NF eletrônica reduziu em muito a sonegação... o dinheiro começou a entrar numa quantidade nunca antes vista, mas a inoperância na melhoria dos serviços à população em nada se alterou, pq o que faria a diferença foi pro bolso dos políticos e envolvidos nos esquemas. Hoje os partidos políticos possuem mais capital, riquezas e influência do que grandes indústrias nacionais. Um PMDB da vida tem mais dinheiro do que conseguem contar, tudo devidamente dividido entre seus associados e asseclas...

Num quadro como esse, onde o mal vai se perpetuar, onde a roubalheira está instituída e concretizada em todos os escalões do governo e oposição... como fazer com que a roubalheira acabe, como fazer com que os desvios acabem ou diminuam a ponto de se conseguir melhorar o sistema de saúde da população, por exemplo?

As pessoas em desespero apelam aos militares, com a esperança de que eles pudessem destituir Senado, Câmaras e a presidência da república, para poder realizar um processo de reavaliação política do Brasil, revendo cargos, salários, comissões, poderes e regalias... uma espécie de auditoria do poder público. Se isso rolasse de fato e se os militares agissem da maneira que a população sonha, com certeza em 4 anos mjuita coisa iria mudar pra melhor, o dinheiro iria sobrar, a sensação de impunidade seria recolocada a um patamar aceitável pelo povo... só que as pessoas esquecem de algumas coisas:

1- Os militares, por mais educação marcial que tenham recebido, são suscetíveis à sedução do poder. O jogo de poder rola nas forças armadas, imaginem num sistema de governo...

2- Muitos políticos iriam acabar associados ao regime militar, especialmente as raposas velhas, que com certeza já teriam alguns fardados "no bolso" preventivamente. No final teríamos alguns Sarneys, Temers, Silvas e similares andando livremente no corredores do Planalto, como se nada tivesse acontecido.

3- Alguns militares defasados poderiam encarar a intervenção como um outro golpe... isso fatalmente iria gerar casos de abuso, coação e violência desnecessária, em nome do país.

4- Durante o regime militar, houve casos de corrupção similares aos que estamos vendo hoje, inclusive na Petrobrás... só que em uma escala financeira muito menor, até pq na época a cia era muito menor.

5- Durante os 4 anos de intervenção, nosso crescimento como país iria reduzir muito, pois um sistema militar não possui a mesma agilidade e proatividade de um sistema democrático, onde muito mais pessoas agem visando crescimento. Num sistema militar, antes de fazer algo grande, é necessário obter o consentimento militar, e isso na prática pode ser algo extremamente burocrático... isso me faz lembrar o Ministério da Desburocratização, criado em 79 e extinto em 86, com o fim da ditadura....


Ou seja, na minha opinião, a maior serventia dos militares seria o ato de expulsar os ladrões existentes nos 3 poderes, substituindo eles por suplentes sem as regalias existentes, com salário atrelado ao salário mínimo e ostensivamente vigiados, para garantir que o mal não voltasse ao poder com facilidade... pq é impossível ter um governo sem corrupção ou falcatruas.. o que podemos ter é um governo que puna com absurda severidade e rigor casos de corrupção e falcatrua...

O povo esquece que a corrupção é adaptável e se adequa a qualquer tipo de situação, se estive fácil roubar, ok, vamos roubar a revelia, se não estiver, ok, vamos ser mais estratégicos. Vai ter corrupção sim, vai te roubalheira sim. Governo militar para mim é ilusão.
avatar
Borg
Admin

Mensagens : 770
Data de inscrição : 08/08/2014

Re: Intervenção militar

Mensagem por Borg em Seg Jan 26, 2015 4:29 pm

Infelizmente a corrupção é uma característica nativa do ser humano. Alguns em maior escala, outros em escala quase imperceptível.. outros em um nível que extrapola qualquer escala...  A corrupção existe em todas as esferas de poder, em todo tipo de trabalho remunerado e em alguns trabalhos onde não se paga com moeda, mas com favores.

Há uns 10 anos atrás eu li na Época uma reportagem sobre o parlamento alemão, sobre indícios de corrupção naquela casa. O parlamento alemão é eleito pela população, numa mistura de voto direto e distrital, porém o primeiro ministro, o que manda na economia mais poderosa da Europa, é eleito pelo parlamento, não pelo povo.... A Alemanha é sempre vista como um exemplo de civilidade, eficiência e cumprimento de normas e leis... e até lá rola corrupção governamental... só que lá o povo não vai pra rua fazer mega manifestação contra corrupção, não rola charges e piadas sobre a corrupção e os parlamentares com a agressividade que vemos aqui, não rola CPI ou algo do tipo com frequencia que rola por aqui.... pq o povo alemão não sofre aquele tipo de carência que gera revolta perante um caso de corrupção... vc não enxerga do mesmo modo que vemos aqui a desigualdade, a miséria e a fome que alimenta os segmentos da sociedade com revolta e protesto... lá a corrpupção é tratada como um crime comum, sem hordas de advogados, sem recursos e interpretações dúbias... la o cara é pego, é julgado e se for condenado, perde o emprego e paga a pena.

No Japão é a mesma coisa, na Coréia e na China idem... países onde o orgulho está intimamente ligado ao trabalho, onde uma denúncia de corrupção faz o cara pedir perdão publicamente e entregar o cargo... Sociedades mais antigas e organizadas que a nossa, lidando com corrupção da mesma maneira...

O que eu quero dizer com isso? Simples, a corrupção vai sempre existir e ela consegue até ser tolerada pela população, desde que não exista tamanha discrepância, desde que o abismo criado entre os corruptos e os demais integrantes da sociedade não seja tão grande... rola a decepção nesses casos, não a revolta e o ódio. Se eu moro numa cidade onde todos os serviços para a população são adequados, onde existe emprego e a pobreza não é associada à miséria... se eu moro em uma realidade onde trabalho normalmente e consigo dar um padrão de vida para minha família, eu não vou pra rua fazer passeata se pegarem o vereador com 20 mil reais na cueca, apenas não voto mais nele e pronto... agora, se eu vivo numa merda sem fim por causa da inoperância do governo, com minha família em risco e o vereador que eu votei é pego com um jatinho carregado de drogas milhões de dólares, que seriam destinados à cidade... na boa, a vontade de ligar o motor do avião e colocar a cara dele na turbina pra tostar seria surreal...
avatar
Cachorro Louco

Mensagens : 186
Data de inscrição : 16/10/2014

Re: Intervenção militar

Mensagem por Cachorro Louco em Ter Jan 27, 2015 11:39 am

É foda isso, nosso país é atrasado em todos os sentidos, e eu culpo grande esses corruptos, ontem tava vendo uma reportagem da hidrelica, que seria a segunda maior do país, era para ter ficado pronta em 2013 e até hoje eles estão lá tentando terminar, isso com certeza tem dedo grande disses fdp. Daí vc ver obras como essas, as da copa, vc pensa "é para melhorar o país" sqn, é uma grande oportunidade de encher o bolso do governo as custa da ilusão do povo.
avatar
Borg
Admin

Mensagens : 770
Data de inscrição : 08/08/2014

Re: Intervenção militar

Mensagem por Borg em Ter Jan 27, 2015 12:32 pm

Todas as grandes obras dos últimos 12 anos foram usadas para encobrir desvios, seja dentro ou fora do país. As grandes construções feitas em países latinos e na África foram delegadas à empreiteiras que agiram sem licitação, porque o cronograma de obras foi igualmente repartido, com todas tendo a sua grande obra garantida para a tão esperada ação de desvio de recursos. Há um tempo atrás, durante o escândalo da Delta aqui no RJ, levantaram essa suspeita de acordo entre as construtoras e o governo, para simular concorrência e deixar as cartas todas devidamente marcadas. O então governador renunciou e a coisa esfriou...

Há 2 anos atrás conheci uma pessoa que possui uma pequena construtora para obras civis. Ele estava tentando conhecer o pessoal da prefeitura de Barra do Piraí (RJ) pra ver se lá rolava o mesmo esquema da capital, onde as obras já são previamente destinadas aos concorrentes... o cara falava desse esquema abertamente, dizendo que se não fosse desse jeito a coisa não iria funcionar pro governo... Essa é a realidade dessa gestão PMDB-PT-PSDB...

Na época da ditadura isso tb rolava, mas em quantidades muito modestas... as empresas que apoiavam o regime militar acabavam sendo escolhidas no final dos processos de licitação, com certeza rolava algum desvio, mas como tudo era muito arcaico, provavelmente eram feitos vários pequenos desvios (nota, caixa 2, superfaturamento aqui e ali, etc.), bem diferente de hoje em dia, em tempos de nota eletrônica, internet e talz, onde eles fazem um mega desvio de maneira cirúrgica, algo que só é descoberto se alguém abrir o bico ou se rolar alguém infiltrado... normalmente gente de outro partido que não fez parte do esquema.
avatar
Joelma

Mensagens : 22
Data de inscrição : 03/10/2014
Idade : 49
Localização : PARACATU - MG

Re: Intervenção militar

Mensagem por Joelma em Ter Jan 27, 2015 12:50 pm

Ou seja não tem para onde correr, é morrer nessa merda mesmo, uma pessoa só não faz milagre. É tudo sujo, não é só o PT, é toda esfera política. Como dizia um amigo "senão for assim a política não anda"

Ano que vem se deus quiser me mudo de vez para o Canadá, aí foda-se esse Brasil, Dilma o PT e esses bando bezerro que ama mamar nas tetas do governo.
avatar
victor andrade

Mensagens : 352
Data de inscrição : 02/10/2014

Re: Intervenção militar

Mensagem por victor andrade em Ter Jan 27, 2015 3:36 pm

Entendo e concordo quando vocês dizem que não é a melhor solução. Até uns meses atrás estava maior alvoroço sobre isso pessoas no face postando isso, como se entendesse alguma coisa, acham que é simples assim e que tudo vai mudar em um piscar de olhos.

Conteúdo patrocinado

Re: Intervenção militar

Mensagem por Conteúdo patrocinado


    Data/hora atual: Qua Set 20, 2017 4:28 am